Logo CIH

Banner Topo

Centro Internacional de Hidroinformática será representado no MundoGEO #Connect Latin America 2014

 

As experiências do Centro Internacional de Hidroinformática (CIH) no desenvolvimento de soluções tecnológicas para Gestão Territorial serão apresentadas no MundoGEO #Connect Latin America, um dos maiores eventos nas áreas de Geomática e Soluções Geoespaciais do continente.

 

CIHGEO

 

O evento será realizado em São Paulo, entre os dias 7 e 9 maio e, dentre as atividades terá um seminário sobre sistemas de informação geográfica, no qual o CIH será representado pelo analista ambiental, Alisson Rodrigues Alves. O tema da sessão será a utilização de geoprocessamento em grandes corporações e a integração com sistemas de gestão.

 

Como parte da programação do MundoGEO#Connect também serão realizadas as 6as Jornadas gvSIG da América Latina e do Caribe. O CIH participa do evento como organizador e também será responsável pela realização de um curso de capacitação em Geoprocessamento com Software Livre, que será ministrado por Alisson Rodrigues Alves.

 

“O nexo Água-Energia é uma das temáticas que estamos trabalhando forte, então vamos falar um pouco sobre Sensoriamento Remoto e Cadastro Técnico Multifinalitário, noções, introduções, fazer a definição do nexo Água-Energia na ótica do CIH. Além da teoria da parte de geoprocessamento e sistemas de informações geográficas, também vamos abordar as aplicações do Cadastro Técnico Multifinalitário no nexo Água-Energia, no nosso caso muito voltado para gestão territorial da Bacia do Paraná 3, onde nós temos mais atuação”, destacou.

 

Em 2013, o CIH participou das 5as Jornadas gvSIG da América Latina e do Caribe, que foram realizadas em Buenos Aires (Argentina). Na ocasião, o Centro recebeu um convite para se tornar membro de honra da Associação Internacional gvSIG, que deve ser oficializada durante o evento de São Paulo.

 

Rafael González, gerente do Centro Internacional de Hidroinformática (CIH), destacou as vantagens da utilização de software livre de código aberto para o meio empresarial: “Desenvolvemos soluções em software livre de código aberto, que é um processo um pouco diferente do que as grandes corporações estão acostumadas. Elas estão acostumadas a comprar tecnologia e não desenvolver nelas mesmas as tecnologias, com suas próprias equipes. Podemos ter pontos de vistas importantes neste sentido: a soberania tecnológica, que as corporações passam a ter utilizando software livre de código aberto e os custos envolvidos, inicialmente são mais altos por conta da capacitação da equipe, mas ao longo do tempo acabem diminuindo e facilitando o acesso à tecnologia e também diminuindo a possibilidade de você ter que investir mais comprando licenças de software”, ressaltou.

 

O Centro Internacional de Hidroinformática é um Centro Binacional e de Categoria II da UNESCO, resultado da parceria entre a ITAIPU Binacional, Fundação Parque Tecnológico Itaipu e o Programa Hidrológico Internacional (PHI) da UNESCO, e atua com o desenvolvimento de soluções inovadoras e ferramentas de hidroinformática para gestão sustentável dos recursos hídricos e energias renováveis.