Logo CIH

Banner Topo

Web Rádio Água amplia difusão



Por meio de um acordo celebrado nesta quarta-feira (20), no Refúgio Biológico Bela Vista, a WRA repassará conteúdo à Associação das Emissoras de Radiodifusão do Paraná (Aerp), que retransmitirá o material para uso gratuito de suas 374 afiliadas. Juntas, as emissoras abarcam todo o território paranaense.

Assinaram o documento o diretor-geral brasileiro da Itaipu, Jorge Samek; o presidente da AERP, Márcio Villela; o diretor-superintendente da Fundação Parque Tecnológico Itaipu (FPTI), Juan Sotuyo; e o diretor técnico da FPTI, Cláudio Issamy Osako. O evento foi conduzido por Cícero Bley Jr, assessor de Energias Renováveis de Itaipu e idealizador da Web Rádio Água.

“Estamos difundindo conhecimento e produzimos conteúdos extraordinários no PTI, que muitas vezes trazem solução para grandes problemas, e agora podem ser compartilhados com todo o Estado”, disse Samek. “São parcerias como essa que fazem um mundo melhor”.

 

A medida fará com que a WRA amplie seu papel de interlocutora da área científica e da comunidade. Pela internet (http://www.webradioagua.org/), a emissora atingiu 50 mil acessos se somadas as visitas à página de 2011 e 2012.

“Apesar de expressivo, esse número fica aquém do alcance das rádios, que chega a 88,1% dos domicílios brasileiros, atrás apenas da televisão, com 97%, segundo a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (Abert).

 “O rádio é uma das mídias com capilaridade absoluta. A nossa tradição é oral. Passamos conhecimentos por histórias contadas e o rádio estabelece essa sincronia com as comunidades”, afirmou Cícero Bley Jr.
Para as rádios a parceria também é vantajosa. Por decreto (nº 52.795 de 31/10/1963), elas são obrigadas a dedicar cinco horas semanais aos programas educacionais. E é aí que os materiais da Web Rádio Água entram na programação: por terem caráter educativo sobre os temas água, energia e meio ambiente, eles ajudarão as emissoras a preencher essa lacuna. Feitos de acordo com o padrão de qualidade auditado pela Aerp, os spots servirão a qualquer emissora.

 


Com a Copel, um acordo semelhante já funciona bem, segundo o presidente da Aerp. “Temos um 11 inserções diárias de utilidade pública sobre falta de energia e outros assuntos, e esse tipo de material atende não só a área urbana, mas a rural, muito expressiva no Paraná”, disse Márcio Villela, presidente da Aerp. “Esta parceria ajuda a todos”, completou.

 Nos primeiros 60 dias, a equipe da WRA produzirá três conteúdos por semana, de até cinco minutos de duração. Depois deste prazo, o número subirá para cinco programetes semanais. Eles terão como matéria-prima principal os projetos e ações desenvolvidos no PTI, onde fica o CIH, e na Itaipu. Na prática, é uma forma de levar ciência à comunidade.

Os programas e entrevistas serão gravados e editados no novo estúdio da WRA montado no PTI. Ao chegar à Aerp, eles entrarão no boletim diário da associação, retransmitido às afiliadas, que podem optar pelo uso livremente. Os materiais também serão incluídos no programa Paraná de Hoje, veiculado em rede para 50 rádios cadastradas diariamente, das 12h às 12h45.
Entre as rádios que devem aproveitar os conteúdos da WRA estão a União AM 170 e a FM Verde Vale 94,1, ambas do Grupo Verde Vale de Comunicação, de União da Vitória (PR), segundo o diretor executivo do grupo, Carlos Henrique Agustini.

“Depois de muitos anos considerado o patinho feio, temos hoje o reconhecimento que o rádio penetra fundo nas comunidades e permite que se mantenha a informação viva para as pessoas”, afirmou Agustini, que também é diretor-presidente do Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão do Paraná.

“Este convênio é de fundamental importância para levarmos informações à população, para que ela saiba discutir os temas socioambientais com propriedade”, analisou o diretor da Rádio Cultura de Foz, Nelso Rodrigues, presente na cerimônia.